Início Igreja Online Equipe Saravarginha SE O SENHOR NÃO FOR COMIGO...
 

SE O SENHOR NÃO FOR COMIGO...

Imprimir PDF


  Alguns heróis da fé – inscritos ou não na Bíblia –  causam admiração pela coragem de seus posicionamentos em épocas nas quais professar a fé era quase como assinar a própria sentença de morte.

Quantos homens e mulheres de Deus, ao longo da história, perderam suas vidas ou foram vítimas de toda sorte de perseguição e humilhação por não declinarem ou abrirem mão de sua fidelidade às verdades da Bíblia?

O que dizer de Sadraque, Mesaque e Abede-Nego, que diante do ultimato do rei Nabuconossor, responderam que continuariam a servir e a adorar o Deus de Israel, quer Este os livrasse ou não da morte (Dn 3:15-18).

O coração dessas pessoas denota algo em comum: a natureza terrena já não vale ser preservada se não for para caminhar com o Senhor durante todos os dias da sua peregrinação na Terra, cumprindo o propósito de Deus.

Nesse sentido, há um homem na Bíblia que foi além do seu apego a Deus e abraçou a responsabilidade de tentar salvar uma geração que havia lhe sido entregue: Moisés. Só Jesus demonstrou maior intimidade com o Pai do que Moisés. Nenhum homem impressiona tanto pelo modo simplório e pela segurança de saber que está lidando com o próprio Pai, enquanto cumpre o seu propósito.  Deus propõe a Moisés começar uma nova história, fazendo dele, Moisés, um novo patriarca. A proposta de Deus era de eliminar o povo de Israel e começar tudo de novo através de Moisés, que assim responde: Que é isso, Deus? O que vão dizer de Ti? Um Deus que tira seu povo do Egito para matá-lo no deserto? Arrepende-te deste mal e, se for para matá-los, risca o meu nome do livro da vida! (Ex 32:10-12,32)

Mais adiante, Deus fala para Moisés que estaria com ele, mas não com o povo, porque este era duro e descrente. Moisés, mais uma vez, sensibiliza o coração do papai e diz que se Ele não fosse, que não permitisse que eles subissem à terra das promessas. (Ex 33:3,15)

Não há promessa, não há riqueza, não há vantagem que valha a pena conquistar, se Deus não estiver com você.  Não há mentira, não há “jeitinho”, não há dinheiro que justifique fugir dos princípios de Deus, negar a Jesus, mudar o Evangelho.

E mais: há uma geração escrava no Egito ou morrendo no deserto que depende da sua fidelidade ao propósito que Deus colocou sobre a sua vida e selou no seu coração.

Qual será a sua resposta?

Pr. Marcelo

Somente usuários registrados podem escrever comentários!

!joomlacomment 4.0 Copyright (C) 2009 Compojoom.com . All rights reserved."

 
 
 

Copyright 2009 Sara Varginha. Todos os direitos reservados